Amarado por cordas e envolto a um saco plástico corpo de um homem e jogado na estrada que dar acesso aos Sítios Entrada e Fernandes na zona rural de Buíque

0
184

Na pacata região de Buíque, no agreste pernambucano, uma cena chocante despertou o terror entre os moradores do Sitio Fernandes e Entrada, localizados na zona rural do município. Um corpo sem vida, com indícios de ter entre 35 e 40 anos, foi descoberto, apresentando sinais alarmantes de violência, incluindo perfurações de arma de fogo e amarrado por cordas, além de estar envolto em um saco utilizado para armazenar ração animal.

Os residentes, perplexos diante do cenário de horror, prontamente acionaram as autoridades policiais. A polícia, ao comparecer ao local, preservou a cena do crime aguardando a chegada da equipe forense para realizar a perícia. Posteriormente, o corpo será encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) em Caruaru, também no agreste do estado, para procedimentos adicionais.

Até o momento, não há indícios que possam levar à identificação da vítima. Contudo, observa-se que o indivíduo, de pele aparentemente morena e vestindo uma camisa escura, apresenta duas tatuagens distintas no braço esquerdo: um dragão no ombro e outra no antebraço. O crime ocorreu durante a noite de quinta-feira para sexta-feira (16/02/2024).

Enquanto a polícia trabalha para reunir mais informações sobre a identidade da vítima e as circunstâncias que envolvem sua trágica morte, a comunidade permanece atônita diante da brutalidade do ocorrido na estrada que já se tornou conhecida pela desova de corpos

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here