Logo

Mortos em terremoto na Turquia e na Síria passam dos 7,8

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

A contagem oficial de mortos por conta do maior terremoto em 80 anos na Turquia e na Síria, na madrugada de segunda-feira (6), subiu nesta terça-feira (7). Na Turquia, o número de óbitos elevou para 7,8 informou o ministro da Saúde do país. Na Síria, o número é de 1.832 mortos, de acordo com o governo e um serviço de resgate no noroeste do país.

Ainda de acordo com as autoridades, milhares de pessoas estão feridas ou ficaram desabrigadas em cidades da Turquia e do norte da Síria. As autoridades turcas dizem que cerca de 13,5 milhões de pessoas foram afetadas em uma área de cerca de 450 km. As autoridades sírias relataram mortes até o sul de Hama, a cerca de 250 km do epicentro.

Conflito – A entrada de ajuda humanitária e de equipes de resgate internacionais na Síria está esbarrando e um conflito que já dura 11 anos: a guerra civil do país, que coloca em lados opostos o governo sírio e grupos rebeldes.

A Síria, relembrando, está em guerra desde 2011, quando protestos contra o governo autoritário do país, comandando por Bashar Al-Asad, cresceram para um confronto entre grupos rebeldes e tropas sírias.

O grande problema é que a área mais afetada pelo terremoto, o norte da Síria, é justamente a mais controlada pelos rebeldes sírios (veja no vídeo acima). O governo do país quer controlar a entrada da ajuda internacional e distribuí-la por seu território.

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

PUBLICIDADE

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img